Soul Power é 100% Free From mesmo?

mulher-pensando-Programação-Neurolinguística-ponto-de-interrogação
Foto: Shutterstock Images

Quando a marca Soul Power foi divulgada, confesso que eu fiquei desesperada querendo comprar tudo, porque estava naquela fase (que muitas pessoas se encontram) de querer testar várias coisas durante a transição capilar.

O exagero sobre o conceito “100% Free From” foi um dos pontos altos avistados assim que o marketing entrou na sala. Quando uma pessoa não entende sobre o assunto e vê essa proposta toda que eles abordaram em palestras e redes sociais, logo pensam que é uma ideia incrível. Só que não é bem assim que funciona.

Saiba o porquê

No site oficial da marca eles propuseram um conteúdo enorme sobre o termo free from, incluindo uma lista de todos os ingredientes que podem fazer algum mal a nossa saúde, como um aviso para “conscientizar” o consumidor.

Além disso, ainda realçam a importância de lermos os rótulos dos produtos e descobrir do que eles são feitos. Entretanto, se todos fizessem isso mesmo, trariam à tona o real significado de cada componente.

Nas tabelas vemos que citaram os parabenos como inexistentes nas fórmulas, mas fazem o uso do phenoxyethanol que é praticamente o “primo” e pode ser tão prejudicial quanto. Não é a toa que foi banido do Japão.

A famosa Karina Viega recebeu os produtos para testar e por ser uma criadora de conteúdo especialista em produtos naturais e orgânicos, ela não pôde deixar essa informação passar batido e tentou, de forma educada, nos manter cientes desse marketing que foi feito de forma errônea.

De fato, todos os produtos são liberados para low poo/no poo, são veganos e a marca possui certificação do PETA (organização protetora dos animais), mas infelizmente os produtos não são naturais e totalmente seguros.

Eles contém componentes sintéticos, conservantes que poderiam ter sido trocados por opções melhores, fragrâncias sintéticas e alguns também possuem o BHT que de longe se encaixa no grupo de substâncias não acumulativas e/ou cancerígenas.

Leia mais em > BHA e BHT: substâncias nocivas à saúde estão presentes em alimentos e cosméticos.

Mas caso não se importe com as reações que determinados cosméticos podem desencadear em sua saúde de imediato ou em longo prazo e esteja focado apenas na estética, muitos consumidores dizem que os produtos são ótimos e colaboram com a definição de cabelos que tem dificuldade para formar cachos.


Texto reflexivo criado com a intenção de abordar um pouquinho do meu conhecimento referente a minha transição para cosméticos naturais ou não tão nocivos

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s